LÂMPADA MISTA X VAPOR METÁLICO

Comparativo entre lâmpadas mistas e vapor metálico

Lâmpadas Mistas

As lâmpadas mistas foram desenvolvidas há muitos anos atrás com a combinação das tecnologias da lâmpada de vapor de mercúrio de alta pressão com a lâmpada incandescente.

A razão desse desenvolvimento foi, na época, substituir as lâmpadas incandescentes - que são menos eficientes.

Há muitos anos os países desenvolvidos NÃO PERMITEM a utilização desse modelo de lâmpada pelo seu alto consumo de energia e baixo fluxo luminoso.

- OSRAM no Brasil produz essas lâmpadas na potência de 160W (3100 lumens), 250W (5600 lumens) e 500W (14000 lumens).
- Philips 165W (3150 lumens) e 260W (5500 lumens).

Em resumo, como o próprio nome indica, são lâmpadas compostas de um filamento em um tubo de descarga e foram desenvolvidas como alternativas de maior eficiência para substituírem as lâmpadas incandescentes.

Lâmpadas de Vapor Metálico

São lâmpadas com um tubo de descarga de quartzo contendo mercúrio em alta pressão, com adição de iodetos metálicos de terras raras como sódio e tálio.

Atualmente é o produto correto para iluminação de grandes áreas.

Comparação de Eficiência entre Lâmpada Mista e Metálica

Lâmpada mista de 250W  produz 5500 lumens = 22 lumens por Watt.

Lâmpada Metálica 250W produz 19000 lumens = 76 lumens por Watt.

Como resultado desse comparativo uma lâmpada de vapor metálico produz vezes mais luz que a sua equivalente mista ou para obter a mesma iluminância precisaríamos acrescentar lâmpadas de 250W ou consumiríamos 863,63W.

Obs.: Essa análise seria de duas lâmpadas novas, uma vez que a curva de mortalidade das mistas é mais acentuada que as metálicas.
Bookmark and Share

49 comentários:

Rodrigo disse...

Oi gostaria de saber como diferenciar uma lampada de uso com reator e uma mista, sendo que as duas sao brancas e iguais de mesmo tamanho e potencia?

WGR Ignitron disse...

Rodrigo, a lâmpada mista só existe com rosca E27 (em todas as potências). Já a metálica, com o mesmo tamanho de bulbo, a partir de 100W só com rosca E40. Com as duas na mão fica fácil ver que mesmo tendo o mesmo tamanho de bulbo, a mista possui a rosca mais fina.

Outra forma de diferenciar é através do código impresso no bulbo, próximo ao soquete da lâmpada.

Ex: Se encontramos na lâmpada: Philips - HPI 400W. Philips = Marca e HPI, no catálogo Philips, significa que é uma lâmpada metálica.

Outro exemplo: Philips HPL - N: no catálogo Philips, podemos ver que se trata de uma lâmpada de Mercúrio.

Lâmpadas metálicas da marca Osram levam o código HQI.

Lembrando que para cada fabricante existe um código diferenciado e é preciso consultar os catálogos de cada um para encontrar a descrição e especificação de cada lâmpada.

hr chales disse...

Olá gostaria de saber qual o consumo kw/hora de uma lampada vapor metálico 400w e o consumo de uma lampada mista da mesma potência. obrigado

Anônimo disse...

ACHO ESSAS LAMPADAS EXCELENTES PARA AMBIENTES INTERNOS COMO POR EXEMPLO NA CIDADE DE RIO POMBA NA RODOVIARIA QUE ALIÁS É UMA ÓTIMA RODOVIARIA MUITO BEM LOCALIZADA E MUITO BEM ADMINISTRADA PELO SR. DAVID VELOSO FURTADO, EU ACHO QUE A ILUMINAÇÃO PODE MELHORAR MAIS AINDA.

WGR Ignitron disse...

Olá Hr Chales,

A lampada metálica precisa de reator e por isso, o consumo em Kwh do sistema é de 0,430.
Já uma lampada mista de 400W não precisa de reator e seu consumo será de 0,4 kwh

Agora, deve-se levar em conta que uma lâmpada mista é muito menos eficiente, ou seja, ilumina muito menos com a mesma potência. Sendo assim, é comum trocar uma mista de 400W por uma metálica de 250W , diminuindo assim 0,125 kWh por ponto, e tendo uma iluminação até melhor.

Anônimo disse...

Olá,
Gostaria de saber o seguinte: 1) quantas lâmpadas metálicas de 250w são necessárias para iluminar uma quadra coberta de 15 x 25m; 2)também para um campo de futebol society de 25 x 50m. finalmente, se o cálculo do consumo Kw/h é o mesmo das lâmpadas comuns residenciais. Grato, Roberto.

Anônimo disse...

Olá,
Tenho campos de futebol que usam lâmpadas vapor metálico de 400w. Estou pensando em substituílas por LED. Gostaria de saber qual seria a potência de um refletor com lâpadas LED para ter a mesma equivalência de iluminação. Obrigado - Paulo

WGR Ignitron disse...

Paulo, como não trabalhamos ainda com LED, não temos esta informação.

um curioso disse...

varlei=olá gostaria de saber se ha soluçoes para corigir fator de potencia para cada lampada

Anônimo disse...

amigo preciso iluminar uma rua de um sitio. qual as lampadas mais usadas nesse caso de quantos e quantos metros precisamos de um poste e qual sera o consumo hora de casa lampada. att fabio

Anônimo disse...

Olá, me chamo Everaldo, sou técnico em eletrotécnica e já tenho 27 anos de contribuição p/ a previdência,quero descordar de dois pontos:
Primeiro: existe lâmpadas mista de 250 e 400W com base E40!
segundo: As lâmpadas mistas são as de piores rendimentos, só ficando atras das incandescentes, por tanto eu não recomendaria p/ ninguém.

Anônimo disse...

adeildo.. gostaria de saber qual a tensão de saída de um reator eletromagnético 220x2x40wats

Anônimo disse...

Gostaria de saber o consumo da lâmpada mista de 250 W por hora e também o consumo da lâmpada eletrônica de 85W por hora. para fazer um comparativo de gastos.

WGR Ignitron disse...

Favor consultar os fabricantes de lâmpadas para obter esta informação, pois não trabalhamos com este produto.

Anônimo disse...

comparando uma lâmpada vapor metálico de 400W e uma vapor de sódio de 400W qual é melhor e mais indicada para iluminação externa?

WGR Ignitron disse...

Temos duas situações: se o local a ser iluminado está sujeito a neblina ou névoa, é indicada a lâmpada de sódio (luz amarelada), pois seu facho de luz atravessa estas partículas e não compromete a visibilidade. Mas se o local possui árvores, construções e elementos onde se deseja destacar e reproduzir as cores originais, é indicada a lâmpada a vapor metálico (luz branca, maior IRC - índice de reprodução de cor).

Anônimo disse...

Lâmpada de indução eletromagnética é muito mais econômica, tem mais e melhor iluminação,custa 40% menos que LED, ecologicamente correta e poucos conhecem essa maravilha moderna. Tem muita informação mas os usuários continuam utilizando lampadas ultrapassadas de vapor.

Anônimo disse...

qual lampada posso usar para substituir a hqa

Almeida Publicidade disse...

vcdisse que as mistas todas sao bocal e27, mas hoje fui numa loja e o vendedor me mostrou uma mista de 500w com bocal e40. pra diferenciar o melhor e ler na embalagem.

Rogério M.N. disse...

Olá, estou querendo montar um esquema de iluminação para um ambiente acústico, no interior de um local fechado. Penso em colocar 6 estantes de iluminação, 3 à direita e 3 à esquerda dos cantores, mantendo uma distância de aproximadamente 4 metros entre um lado e outro. E pretendo tbm colocar uns 4 ou 6 minirefletores de chão.

Queria saber quais lâmpadas são mais indicadas para a iluminação deste esquema, se a LÂMPADA MISTA ou VAPOR METÁLICO.

OBS.: Me falaram que as Mistas depois de cerca de 2 horas apagam, isso procede?
OBS.: O intenção é iluminar principalmente a banda, mas 2 estantes grandes pretendo colocar para iluminação do público.

Att.,

Rogério M.N.

WGR Ignitron disse...

Rogério, a lâmpada mista não apaga, porém é muito pouco eficiente.
Poderia nos enviar um desenho ilustrativo mostrando os músicos, paredes e onde vc imagina as luminárias? Favor envie tb todas as dimensões e a altura para cesar@wgr.com.br

Jonas Ribeiro Guimaraes disse...

Eu preciso de uma lampada de led que substitua a de 400 vapor mas não sei qual de led pode ser

Anônimo disse...

Qual lampada de led de embutir substitui a de 400w vapor

Eric Raimundo disse...

Boa tarde!
tenho uma pista de laço que mede 110x30 vo ilumina um lado dela.
estava pensando em 10 poste com 2 refletores de 400w vapor metalico.
sera que nao é muito oque vc me diria

geraldo jose antunes rodrigues disse...

Bom dia, Estou executando campo de futebol com 30 x 50m. Vou colocar 3 postes de cada lado. Qual seria a quantidade, tipo e potencia das lampadas ideais para esta situação?

Agradeço desde já.

Geraldo

Luis Klauck disse...

Oi Anônimo...Para substituir uma lampada de 400W Vapor Metálico, Mercúrio ou Sódio?
Numa forma geral a de LED 100W se equivale, se quiseres luz em abundância use a LED 150W.
LK (www.G-LED.net.br )

Anônimo disse...

Amigo me tira uma duvida, quero comprar uma luz para meu quintal, houve uma tentativa de assalta e o quintal estava escuro, quero uma luz que acenda rápido e que cegue... aquele feito holofote, qual devo usar ?

Anônimo disse...

o que acontece se eu utilizar uma lâmpada metálica em um reator mercúrio, ou vice e versa

Anônimo disse...

lâmpada mista é uma porcaria. Se for instalada na posição horizontal, esqueça, pois ficará acendendo e apagando de modo intermitente. Não sei porque ninguém falou isso aqui.

curtidas no facebook disse...

ótimo post, muito bom .. parabéns pelo blog .. abraço!

Anônimo disse...

bom dia! posso usar reator de sódio 250w para lâmpada vapor metálico 250w

Daniel Campero disse...

Boa noite, aqui na minha cidade por causa da insegurança os próprios moradores estão contratando eletricista para trocar as lâmpadas dos postes da rua. No começo o pessoal dizia que era Led, mas pelo preço eu percebi que não é , pois estão cobrando 200 reais por poste. Gostaria de saber se uma lâmpada a vapor metálico éde 250w é suficiente ou precisa ser mais forte?

WGR Ignitron disse...

Daniel, a lâmpada 250W é mais que suficiente. É utilizada em avenidas. Uma lâmpada 250W Metálica substitui uma Mercúrio 400W. A lâmpada 150W Metálica substitui a 250W Mercúrio com ainda mais luz. Um absurdo os próprios moradores estarem tendo que fazer isso.
Quanto ao LED, o maior problema é a qualidade da fonte. Uma boa luminária externa com LED custa no mínimo R$ 500,00. Preços mais baratos que esse serão de produtos com uma expectativa de vida muito baixa.

Marcos Ferreira disse...

Bom dia!
Por favor, poderia me informar qual a diferença de consumo de energia da lâmpada de 250w Vapor Metálico e a 250w Mista?
Obrigado!

Marcos Ferreira disse...

Bom dia!
Por favor, poderia me informar qual a diferença de consumo de energia da lâmpada de 250w Vapor Metálico e a 250w Mista?
Obrigado!

Anônimo disse...

Bom dia!
Em nossa fábrica, usamos 50 lâmpadas de vapor metálico de 400W. Fizemos uma parada de 1h para refeição, e nesse tempo desligamos toda a iluminação.
Isso gera economia, ou o fato de elas consumirem mais energia ao serem religadas inviabiliza essa ação?

WGR Ignitron disse...

Você terá economia de energia. Mesmo considerando um consumo maior durante a partida das lâmpadas, que duraria em torno de 5 minutos, a economia com o desligamento durante o horário de almoço será muito maior.

A WGR agora possui uma linha de luminárias industriais de LED, fabricadas no Brasil, que substituiem as metálicas de 400W. 150W LED para substituir uma metálica de 400W. Os preços estão muito atrativos já dando um payback interessante para a empresa.

Anônimo disse...

Tenho varias luminárias com lampadas vapor metálico com reator 400W, oque pode acontecer se trocar todas por lampada economica de 105W , poderia me orientar .

rogerio gonçalves disse...

Preciso iluminar um setor com dimensões de 20m x 6m x 4m de altura,
qual seria a iluminação necessária? Tenho varias máquinas neste setor, gostaria de deixar bem iluminado mas sem gerar muito calor.

rogerio Nogueira Senhor R disse...

Gostei muito das informações. Parabens.
Um reator consome energia? de vapor metalico?
Instalei 3 lampadas de 150w, em 220v.
Esperava ter no condutor 450w/220 = 2,05Amper.
Como estão acionadas por fotocelula. esperava que uma fotocelula de 1000w resolvesse meu problema.
Já que 2, 05 Amper x 220 = 450W.
Mas as fotocelulas não tem aquentado.
Medindo com alicate amperimetro.
Constatei 5 Amper no condutor.
ora, 5a x 220v = 1100wats.
explicaria o porque da fotocelula não aguentar.
Então como elaborar um circuito elétrico dessa natureza, com reator,
Se na pratica o calculo apenas com as lampadas, de 150w, tenho um consumo maior?

Anônimo disse...

Boa noite!
Há problema se colocar um reator metálico 400w com lâmpada de vapor de sódio400w?

André disse...

Que lampada usar em campo de futebol amador ;vamos colocar sem reator para viabilizar custos. Qual a mais apropriada ?

Cristiano Apolonio disse...

O que acontece se eu usar um reator de 400w metálico em uma lâmpada de vapor de sódio?

Unknown disse...

Olá gostaria de saber se preciso fazer algo para corrigir o fator de potencia de um sistema de iluminação de estacionamento de 10 luminárias de 250W com a lampada de vapor metálico.

Super Administrador WGR disse...

Lâmpadas Mistas ou de Mercúrio dão muito pouco eficientes. Lâmpadas Vapor Metálico e Sódio possuem uma eficiência muito maior. Cuidado na utilização de reatores para Vapor de Sódio para lâmpadas Vapor Metálico ou vice versa....é necessário checar a corrente do reator e a tensão do ignitor onde estas devem ser compatíveis com as da lâmpada que você utilizará. O fabricante da lâmpada e do reator devem disponibilizar esta informação.

Super Administrador WGR disse...

Lâmpadas eletrônicas duram muito pouco e possuem baixa iluminância. Na busca por redução do consumo na rede elétrica opte por iluminação de LED. A WGR já possui iluminação em LED.

Anônimo disse...

instalei algumas lampadas metalicas 250 w com reator de sódio de 250 e estou tendo problemas no rele fotoelétrico. tem alguma relação com o fato de eu ter utilizado os reatores de sódio?

Super Administrador WGR disse...

Verifique a corrente da lâmpada e veja se é compatível com a corrente do reator. Outro ponto importante é verificar se o capacitor está com o valor correto para o sistema. Se o sistema ficar capacitivo, com excesso de capacitor, pode aumentar o faiscamento do relé colando o contato.

Postar um comentário

 

Curso Básico

Curso Básico
Correção do Fator de Potência

Seguidores

Rede Social e Fórum de Ajuda Técnica

Fórum de Ajuda sobre Banco de Capacitores e Engenharia Elétrica. Envie suas dúvidas sobre Energia Reativa e Correção do Fator de Potência para...